Afinal de contas, consumir aveia engorda ou emagrece?

Rico em vitaminas e minerais, o alimento faz bem para a saúde e, se consumido com moderação, ajuda a emagrecer.  – A aveia é considerada um dos cereais mais saudáveis e nutritivos, pois é rica em vitaminas dos complexos B e E, minerais, como potássio, fósforo e magnésio, além de carboidratos, proteínas, fibras e antioxidantes, o que traz muitos benefícios à saúde. Algumas das consequências do consumo em doses adequadas são perda de peso, diminuição dos níveis de açúcar e colesterol no sangue e prevenção de doenças cardiovasculares. A aveia é um ótimo alimento para quem deseja emagrecer, pois permite uma digestão fácil e lenta e, além disso, suas fibras, como a betaglucana, aumentam a sensação de saciedade, controlam a fome, diminuem a absorção de gorduras, melhoram a prisão de ventre, regulam o intestino e diminuem o inchaço abdominal. No entanto, a aveia engorda se consumida em grandes quantidades, visto que contém muitas calorias. Por exemplo, 100 g de aveia possuem 366 calorias. Por isso, é importante fazer uma dieta balanceada, com a orientação de um nutricionista, para alcançar os resultados desejados.

Como usar a aveia para emagrecer. Para ajudar a emagrecer, a aveia deve ser consumida diariamente, sem ultrapassar, entretanto, 3 colheres de sopa por dia, podendo ser utilizada na forma de mingau ou adicionada a frutas picadas ou amassadas, em iogurtes, sucos e vitaminas. A melhor forma de utilizar a aveia é na forma de flocos, pois possui uma boa quantidade de fibras capazes de aumentar a sensação de saciedade. As formas mais processadas, como farinha ou farelo, possuem menos fibras e, por isso, podem ter menor impacto no emagrecimento. Ainda assim, são opções saudáveis para substituir a farinha de trigo, por exemplo.

Cardápio com aveia para emagrecer –  Dia 1: Café da manhã – Mingau de aveia feito com leite de soja ou amêndoas, aveia em flocos e 1 colher de chá de canela para adoçar + 10 morangos + 1 colher de chá de sementes de chia. – Lanche da manhã – 4 bolachas tipo maria + 6 nozes. – Almoço/Jantar – 100 g de lombo suíno + 4 colheres de sopa de purê de batata doce + salada de cebola roxa, rúcula e palmito + 1 colher de azeite + 1 laranja. Lanche da tarde –  1 iogurte natural + 1 colher de chá de farinha de linhaça + ½ xícara de frutas. Dia 2Café da manhã – 1 copo de leite de amêndoas + 1 pão integral com queijo + 1 pera. Lanche da manhã – 1 copo de suco verde de couve, limão e abacaxi. Almoço/Jantar – Salada de atum e grão-de-bico, com tomate, repolho, ervilha, pepino e cenoura ralada + 1 colher de azeite + 2 fatias de abacaxi. Lanche da tarde – 1 iogurte natural + 1 banana amassada com 2 colheres de sopa de aveia em flocos + 1 colher de café de canela. Dia 3Café da manhã – 1 iogurte natural + 30 g de cereais integrais + 1 fatia de mamão.
Lanche da manhã – 3 torradas integrais com manteiga de amendoim. Almoço/Jantar – 100 g de peito de frango em cubos ao molho de tomate + 2 colheres de sopa de arroz + 2 colheres de sopa de feijão + salada de couve, cebola e beterraba ralada + 1 colher de azeite + 1 tangerina. Lanche da tarde – Vitamina de mamão e banana com 3 colheres de aveia em flocos.Este é apenas um exemplo de cardápio genérico, que não está adaptado para as necessidades individuais de cada pessoa. O ideal é consultar um nutricionista para criar um plano alimentar individualizado

Com informações do portal Tua Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *