Descoberto na China mais um vírus que pode gerar pandemia no planeta

Descoberto na China mais um vírus que pode gerar pandemia no planeta – Os porcos são os hospedeiros, mas seres humanos podem ser infectados. Quando a gente acha que já está vivendo um pesadelo com a pandemia do novo coronavírus, vem a vida e dá mais um susto na gente. Agora, uma nova cepa do vírus da gripe com potencial de causar uma pandemia foi identificada na China.

Um recente estudo de tal linhagem do vírus influenza, que causa a gripe, surgiu recentemente e mostra que ele tem os porcos como hospedeiros. Apesar disso, o vírus pode infectar também os seres humanos. De acordo com a BBC, cientistas estão preocupados com o fato de que a cepa poderia sofrer uma mutação ainda maior e se espalhar de pessoa para pessoa, desencadeando um surto global. Eles dizem que a cepa tem “todas as características” de ser altamente adaptável para infectar seres humanos.

O vírus, chamado G4 EA H1N1, pode crescer e se multiplicar nas células que revestem as vias aéreas humanas. Eles descobriram evidências de infecção em pessoas que trabalhavam em matadouros e na indústria suína na China. As vacinas contra a gripe atuais não parecem proteger contra isso. Vale lembrar que a última gripe pandêmica ocorreu em 2009, com o surto de gripe suína, que começou no México. O vírus da gripe suína, chamado A/H1N1pdm09, agora é combatido pela vacina contra a gripe, aplicada anualmente.

Como evitar uma nova pandemia? Especialistas da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, identificaram sete rotas pelas quais uma nova pandemia poderia ocorrer e 161 maneiras de se evitar o risco. A relação com os animais é o principal e mais urgente ponto de atenção, segundo a equipe formada por 25 especialistas em vida selvagem e veterinária. Eles pedem que as pessoas tornem-se veganas, que se proíba o comércio de animais exóticos e reprima fazendas lotadas. Caso essas mudanças drásticas não sejam adotadas, será “apenas uma questão de tempo” antes que outra pandemia varra o mundo

catracalivre.com.br/saude-bem-estar/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *