NUNCA ignore esses sinais que surgem 30 dias antes de você ter um infarto

O infarto do miocárdio geralmente ocorre de forma súbita após afetando de forma leve, grave ou fatal, o músculo cardíaco, mas, o que muitas pessoas não sabem é que nosso organismo começa a dar avisos até 30 dias antes que o mal súbito aconteça.

Nosso corpo que é semelhante a uma máquina, pode ser comparado também de igual forma quando está dando indícios de que está com algum defeito, por exemplo quando começa fazer aqueles rangidos, ou seu desempenho começa ficar lento.

Assim acontece com nosso corpo também, e por ser tão perfeito, nos avisa que algo não vai, porém, esses sinais são ignorados por muitos, que acabam pagando a conta com a própria vida.

Especialistas em cardiologia do Centro de Controle e Prevenção de Doenças, divulgaram uma pesquisa da revista “HEART”, onde consta listados seis sintomas de alerta e sinais de um possível “pré-infarto”, que geralmente acontecem quando as placas de ateroma sofrem lesões ou fissuras.

Com isso, nosso organismo se defende dessa agressão com o acúmulo de plaquetas, gerando um coágulo, que é conhecido entre a medicina como trombo.

Confira os sinais que jamais devem ser ignorados!

1. Pressão no lado esquerdo do peito
Aquele tradicional aperto no peito, esse é um dos sinais que aparecem por último, junto com a dor.

2. Falta de ar
A constrição do sistema vascular, prejudica o transporte de oxigênio para os pulmões. Isso causa a falta de fôlego.

3. Fadiga
Se sente cansada mesmo sem fazer muito esforço, devido a sobrecarga no coração que já não tem forças para bombar o sangue como antes.

4. Mal estar
Se sente como se suas forças estivessem acabado… isso porque, os músculos já não estão mais suficientemente nutridos, causando indisposição para realizar as atividades cotidianas.

5. Fraqueza
Sensação de desmaio, suor frio, vontade de ficar deitado o tempo todo, devido a falta de circulação sanguínea.

6. Ficar tonto e suar frio
Quando falta oxigênio no cérebro a pessoa fica atordoada, com tontura mesmo estando bem alimentada.

Procure um cardiologista ao menos uma vez ao ano, e saiba como anda a saúde de seu coração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *