Caso Miguel; No 7º dia da perda do filho, Mirtes recebe uma triste notícia e chora ao fazer comunicado

O pequeno Miguel Otávio de apenas 5 anos de idade, caiu de uma altura de aproximadamente 35 metros, segundo a perícia da Polícia Civil realizada na terça-feira, dia 02 de junho.

Miguel estava sob a guarda da patroa da mãe dele, a primeira-dama da cidade de Tamandaré, Sarí Mariana Côrte Real, que não suportou o choro da criança chamando pela mãe, e o colocou no elevador para ir procurá-la na rua onde ela estava levando o cachorro da patroa para passear.

No domingo, dia 07, Mirtes Renata de Souza, disse que recebeu a triste notícia de que, por conta da pandemia, seu filho não terá missa de 7º dia, assim sendo, ela decidiu fazer as preces e homenagens em memória dele, em sua casa nesta segunda-feira, dia 08.

Sobre a homenagem, Mirtes falou que pretende reunir somente um número reduzido de pessoas bem próximas, para fazer as preces e orações, mas não informou o horário em que acontecerá.

Mirtes ficou sabendo que outras pessoas estão se organizando para prestarem homenagens em memória de seu filho neste sétimo dia, e fez um apelo, para que cumpram as recomendações contra a covid-19.

“Quero que todos os atos que forem realizados sejam pacíficos e respeitem as medidas de proteção, como o uso de máscaras”.

 

plantaoaovivo.com.b

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *