Depois de ter dito que não iria mais entrevistar Bolsonaro, Datena volta atrás e “manda a real” para o presidente

Depois de ter dito que não iria mais entrevistar Bolsonaro, Datena volta atrás e “manda a real” para o presidente. O apresentador voltou atrás com suas palavras.

O governo do atual presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, é cheio de polêmicas. Recentemente, Bolsonaro, sofreu com a perda de alguns ministros em seu governo. Dentro eles, Sérgio Moro, que atuava como Ministro da Justiça e da Segurança Pública. Após deixar o cargo, Moro, fez graves acusações contra o presidente e disse que ele estava interferindo nas investigações da Polícia Federal. Apenas alguns dias depois, imagens de conversas entre o ex-ministro e o presidente foram divulgadas. Segundo Moro, aquilo serviria para comprovar suas acusações. Desde então, o caso está sendo investigado. E nesta sexta-feira, dia 22 de maio, foi liberado um vídeo em que mostra Bolsonaro tendo uma reunião com os seus ministros. Esse vídeo tinha sido bastante comentado, antes mesmo de sua divulgação e após o Supremo Tribunal Federal liberar a divulgação ao público, não demorou muito para se tornar um dos assuntos mais comentados nas redes sociais.

Com a intenção de fazer uma cobertura completa sobre o vídeo da reunião ministerial, foi exibido no programa “Brasil Urgente”, apresentado por José Luiz Datena, a fala do presidente da Caixa que afirmou que tinha recebido um pedido de dinheiro da emissora Band. O canal acabou transmitindo tudo ao vivo e a reação de Datena se tornou viral nas redes sociais. Datena ficou extremamente furioso com as acusações que haviam sido feitas contra a emissora e chegou a dizer que não iria mais entrevistar o presidente. Contudo, neste sábado, dia 23 de maio, ele pareceu voltar atrás com suas afirmações.

O apresentador disse que estava muito emocionado quando proferiu suas palavras e que ele achou a fala do presidente muito pesada, e que só voltaria falar sobre a Caixa no programa, quando tivesse um bom pedido de desculpas. Referente a Bolsonaro, Datena disse sua fala acabou sendo interpretada de maneira errada e que ele estava se referindo ao presidente da Caixa e não ao da República.

Via: catracalivre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *