Viúva de Gugu Liberato é derrotada na Justiça em processo contra Leão Lobo e Chris Flores

Rose Miriam di Matteo decidiu processar dois apresentadores do Fofocalizando, no SBT, mas acabou sofrendo uma dura derrota. A viúva de Gugu Liberato processou Leão Lobo, Chris Flores e também Décio Piccinini, mas não obteve sucesso.

Segundo informou o portal Notícias da TV, no processo, Rose alegou que os três a retrataram de maneira criminosa durante as notícias que foram veiculadas no Fofocalizando. Ela ainda alegou que foi vítima de calúnia, difamação e injúria, só que o pedido dela acabou sendo julgado como improcedente.

O Notícias da TV informou que conseguiu ter acesso às laudas do processo e até à sentença despachada no início do mês passado. O advogado de Rose teria anexado na ação ao menos três reportagens exibidas no programa do SBT, sendo que estas matérias abordavam a disputa judicial pela herança bilionária deixada por Gugu.

O advogado de Rose alegou que os apresentadores do SBT excederam o caráter jornalístico quando chegaram a citar determinados fatos e que por isso a viúva foi ‘pessoalmente atacada e desmoralizada’, só que a Justiça não viu desta maneira.

Mas o advogado de Rose disse que Leão Lobo e Chris Flores tentaram passar a imagem de que sua cliente estava sendo oportunista. Nesta reportagem, os apresentadores comentaram o fato dela abrir um processo de reconhecimento de união estável para que assim pudesse ter direito aos bens deixados por Gugu Liberato.

Ao Notícias da TV, o SBT informou apenas que não se pronunciará sobre o caso. Quanto ao advogado de Rose Miriam, ele disse que até o momento não estava sabendo qual foi a definição da Justiça sobre o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *