Sintomas pouco conhecidos do Covid-19, de diarreia a perda de olfato

Sintomas pouco conhecidos do coronavírus, de diarreia a perda de olfato

Estudos recentes sugerem que a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, está relacionada a outros sinais além de coriza, tosse, febre e falta de ar.  O aparecimento da Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, no final do ano passado pegou todo mundo de surpresa: cientistas e profissionais da saúde não tinham nenhuma experiência no diagnóstico ou no tratamento dessa condição. Nesse cenário, é natural que muita coisa seja descoberta no meio do caminho. Um exemplo disso são publicações recentes que apontam para outros sintomas da infecção que não se restringem ao sistema respiratório.

Há a suspeita, por exemplo, de que os pacientes também apresentem dor de estômago, náuseas, vômitos e diarreia. Os primeiros a sugerirem uma ligação entre o vírus e problemas gastrointestinais foram médicos da província de Hubei, na China. Eles analisaram, entre os dias 18 de janeiro e 28 de fevereiro, 204 pacientes com Covid-19 confirmada que tinham mais de 50 anos. Os pesquisadores notaram que quase metade deles foi ao pronto-socorro se queixando de falta de apetite, dor de barriga, ânsia de vômito e intestino solto.

Um segundo artigo, publicado no Journal of the American Medical Association, também observou que, num grupo de 138 pessoas com coronavírus na cidade de Wuhan, onde tudo começou, 10% apresentavam diarreia e náuseas antes de desenvolver os sinais clássicos de febre e dificuldade para respirar. Um desses indivíduos, inclusive, nem levantou suspeitas de que poderia estar com algo mais sério e foi direcionado para um ambulatório simples. Essa falta de cuidado fez o coronavírus se espalhar para dez profissionais de saúde e quatro outros pacientes internados no mesmo ambiente, antes que medidas mais contundentes fossem tomadas.

Como já se sabe, o vírus é transmitido por meio de gotículas de salivas expelidas durante tosses, espirros ou conversas. A porta de entrada no organismo são células da mucosa dos olhos, do nariz e da boca. Com o tempo, o coronavírus se espalha para outras instâncias até alcançar os pulmões, onde provoca dificuldade para respirar nos casos mais graves. Em relação a diarreia e dor de barriga, a explicação mais plausível é o vírus entrar pela boca, descer pelo esôfago e cair no estômago e intestino. Aí causaria todo o rebuliço.

saude.abril.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *