0

Mãe do piloto de Ricardo Boechat falece três dias depois do filho

Família lamenta a partida da mãe do piloto que faleceu junto com o jornalista da Band.

A semana passada foi marcada pelo falecimento e do jornalista Ricardo Boechat e do piloto de helicóptero Ronaldo Quattruci após um grave acidente em uma rodovia de São Paulo. No entanto, outro falecimento também chocou a todos.

A mãe do piloto, Philomena Quattruci, de 80 anos, faleceu apenas três dias depois do filho, na quinta-feira (14). Segundo a família, ela não ficou sabendo da partida do herdeiro, já que estava no hospital em fase terminal de uma doença oncológica. Os parentes até tiraram a televisão do quarto dela para que não visse as notícias.

A filha de Ronaldo Quattruci, Amanda, emocionou com uma homenagem para o pai e a avó. “Vocês eram inseparáveis e tinham um amor incondicional um pelo outro! Quando meu pai estava sofrendo com sua doença terminal, a vida nos surpreende e Deus o levou três dias antes dela. Você não a viu ir e ela não chegou a saber da sua partida e agora continuam juntos em outro plano. Oro por vocês e sei que irão guiar e cuidar de nós que ficamos, junto com o tio Rogério. Amo muito vocês e vou amar por toda eternidade”, disse ela, citando o tio que também faleceu em um acidente de helicóptero em 1998.

RELEMBRANDO:
Ricardo Boechat faleceu aos 66 anos após acidente trágico. Âncora do ‘Jornal da Band’ faleceu após acidente com helicóptero; saiba os detalhes

A aeronave caiu sobre um caminhão no km 22 da rodovia Anhanguera, no sentido Jundiaí, próximo ao pedágio Jabaquara, na Grande São Paulo. O acidente aconteceu por volta do meio-dia. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o piloto da aeronave também não resistiu e faleceu.

TRAJETÓRIA – Um dos jornalistas mais respeitados da TV brasileira, ele passou pelos maiores veículos e construiu uma das carreiras mais sólidas do jornalismo no Brasil. Passou por veículos da grande mídia, como O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil. Chegou a ocupar o posto principal da Band, onde foi diretor de jornalismo. Ganhou por três vezes o prêmio Esso e foi também colunista e radialista.


NAR -Gostou do nosso artigo? Obrigado pela visita, volte sempre!

Fonte: contigo

Arjona

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *