0

Receita para você fazer uma depilação natural em casa, e sem gastar muito

Quase todas as mulheres se preocupam em ter uma pele macia e suave. O problema é que os pelos que nascem no rosto podem impedir esse sonho. A verdade é que ter pelos no rosto é natural, até entre as mulheres. O problema é quando eles crescem em excesso em regiões como pescoço, queixo, lábio superior, bochechas ou na testa.

O resultado geralmente é a autoestima baixa. Talvez você passe por isso e esteja se perguntando qual é a causa de seus pelos crescerem tanto. Se não for genética, então há muitas respostas.

Pode ser alteração dos hormônios por ciclo menstrual irregular, consumo de alguns medicamentos e até a gravidez.

Algumas pessoas apostam em métodos de barbear como cera ou tratamento a laser, mas eles podem ser dolorosos e causar danos na pele, além de não serem baratos. Se você é nosso leitor, com certeza já sabe que nossa especialidade são dicas caseiras e naturais.

E é isso que vamos lhe oferecer agora. Neste post, compartilharemos um tratamento caseiro simples e sem efeitos colaterais. Os ingredientes são baratinhos e fáceis de achar. Veja:

INGREDIENTES: -1 colher (sopa) de gelatina (sem sabor e incolor) -2 ou 3 colheres (sopa) de leite -3 ou 4 gotas de suco de limão -1 ou 2 gotas de óleo essencial de lavanda.

MODO DE PREPARO: Coloque, numa tigela pequena, todos os ingredientes e misture bem. Depois leve para o micro-ondas por 15 ou 20 segundos (não gostamos desse aparelho; por isso, experimente aquecer no banho-maria em fogo bem baixo). Feito isso, aplique a máscara imediatamente no rosto e deixe secar no rosto. Você pode colocar tanto em regiões mais peludas, como no rosto todo, mas evite a área dos olhos ou sobrancelhas. Assim que secar, retire com cuidado a máscara. E depois lave com bastante água:

Outra dica: devido ao limão, faça sempre à noite e evite a exposição ao sol no dia seguinte.

Obs: Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *