0

Seria um MILAGRE! Mãe volta inesperadamente de um coma de 23 dias após colocarem seu bebê recém-nascido em seu colo

Seria um MILAGRE! Mãe volta inesperadamente de um coma de 23 dias após colocarem seu bebê recém-nascido em seu colo

Alguém ainda tem dúvidas que o amor de uma mãe pode superar as barreiras que dividem a vida e a morte? A história dessa mulher veio para mostrar que isso é possível e aconteceu em Fortaleza, no Ceará.

Amanda Cristina Alves da Silva estava com 37 semanas de gestação e já sofria de epilepsia crônica descoberta aos sete anos de idade e mesmo assim a gravidez corria bem.

A última cena que ela se lembra foi de ter brigado com o marido e após uma convulsão, acabou entrando em coma. Os médicos ficaram preocupados em salvar a vida do bebê e resolveram fazer uma cesária de emergência.

A mãe seguia em coma há 23 dias, sem responder a qualquer comando e os médicos não poderiam diminuir a sedação enquanto ela não apresentasse qualquer reação: “Os exames mostravam que ela tinha atividade cerebral. Ela abria os olhos, mas não respondia aos comandos, não mexia as pernas nem os braços, nem respondia às vozes dos familiares”, explicou o médico Alencar Junior.
Tudo começou a mudar quando a enfermeira Fabíola Sá teve a ideia de colocar o bebê junto dela, em seus braços e o inesperado aconteceu.

A mãe começou a chorar assim que sentiu o contato com a pele do bebê: “A equipe inteira chorou junto. A resposta dela foi imediata”, contou a enfermeira.

O bebê demonstrava o desejo de mamar, mexendo a boca e a mãe começou a produzir leite espontaneamente, mas ainda não poderia amamentar o bebê por conta dos medicamentos que ela estava tomando.
Nas redes sociais, os internautas se emocionaram com a história e esse acontecimento possivelmente vai encorajar estudos de caso sobre a importância do contato da mãe com seu bebê. Impressionante, não acham?

“Este é um blog de notícias que contém alguns tratamentos caseiros. Elas não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico.”

NARG -Gostou do nosso artigo?…Deixe seu comentário e compartilhe com amigos e familiares. Obrigado pela visita, volte sempre!

natiarjona

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *