0

Recém-nascido falece em hospital, porém uma médica o fez ressuscitar. Veja Como…


Um recém-nascido que foi levado ao hospital em estado crítico, não suportou os efeitos da desidratação, desnutrição e septicemia e faleceu.

Porém, a médica responsável pelo atendimento era cristã, fez uma oração e a criança reviveu.

A doutora Marta Martínez concedeu uma entrevista ao Christian News Today relatando sua experiência:

“Eu vivi este milagre alguns anos atrás, enquanto estava trabalhando em um hospital numa cidade pequena, longe da capital”, disse a médica uruguaia.Ela conta que chegou a desistir de tentar fazer algo pela criança, devido ao seu estado e às condições sociais da família.

“Era um bebê com cerca de um mês de idade e sua mãe era uma adolescente muito pobre.

O bebê chegou ao hospital em estado crítico, com desidratação, desnutrição e septicemia.

Não parecia que podíamos fazer algo para mudar o quadro. Ele morreu pouco tempo depois.

Eu estava observando-o no momento da morte, e pensei: ‘É melhor para ele morrer, porque no meio ambiente que vive e esse tipo de família, ele não teria qualquer chance de sucesso.

Toda a sua vida seria um ‘Calvário’, com falta de esperança e sem oportunidades”, relata a médica.
A Dra. Martínez porém afirmou que sentiu um desejo repentino de orar pela criança: “Senti Deus falando comigo:

‘Ele tem o direito de viver’. Imediatamente, coloquei minha mão sobre o menino, comecei a orar e agradecer a Deus por aquela vida.

Ele foi ressuscitado. Voltou a viver! Foi um milagre incrível”.

Após a ressurreição, a criança foi transferida pra um hospital com mais recursos, onde foi submetido a tratamento intensivo.

A médica relata que meses após, precisou ir ao hospital onde a criança havia sido internada, e teve foi surpreendida pela enfermeira chefe, que contou que a criança havia melhorado.

“Quando o vi, fiquei surpresa ao ver que ele era um bebê muito grande e saudável.

Deus me permitiu ver o milagre completo. Eu vi também outras curas.

Acredito na cura divina, porque, em primeiro lugar, está escrito na Bíblia, e segundo porque vi outros curados de uma maneira milagrosa.

Também tive experiências em meu próprio corpo”, testemunha a Dra. Martínez.

Maria Martínez acredita que a fé na cura divina não pode ser deixada de lado:

“Não apenas os médicos cristãos, mas todos os cristãos devem acreditar na cura divina. Isso está escrito na Bíblia e também foi uma parte muito importante do ministério de Jesus na terra”.

Atualmente a Dra. Martínez está na cidade de Nairobi, no Quênia, onde participará nos dias 25 e 26 /05 da Conferência Anual da Rede de Médicos Cristãos (WCDN), organização interdenominacional que reúne profissionais da área de saúde em todo o mundo.



LEIA TAMBÉM->
loading...

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *