0

Mãe não aguentava mais vizinhos opinando na criação dos filhos, então ela decidiu fazer ISTO

Relatos sobre pessoas se intrometendo na criação dos filhos dos outros têm gerado polêmica nas redes sociais. Naturalmente, as pessoas são diferentes e isso significa que as decisões para se criar uma pessoa também serão diferentes. Talvez o grande desafio está em respeitar o espaço do outro mesmo que isso não esteja de acordo com os seus princípios.

 Não é raro também se deparar com depoimentos de mães incomodadas com as frequentes sugestões sobre o que ela deveria ou não fazer com seus filhos e esse caso foi mais uma situação dessas. Patricia Monkem, de 38 anos, se cansou dos comentários de seus vizinhos sobre a criação de seus dois filhos e assim, ela tentou resolver o problema de forma divertida e um tanto irônica.
 Patricia então colocou uma faixa na fachada do prédio onde mora, com um sutil recado aos condôminos:

faixa1

Prezados vizinhos, às vezes, parece que estou matando meu filho, quando, na verdade, eu só estou colocando soro no nariz, cortando a unha ou limpando o ouvido do meu bebê. Favor não ligar para o Conselho Tutelar. Quando Deus disse: ‘Orai e vigiai’, ele se referia a sua própria vida e não as dos outros. Se quer se meter na minha vida, faça as coisas direito. Comece lavando as minhas calcinhas, pagando as minhas contas e resolvendo os meus problemas por mim. OFERTA ESPECIAL A cada 5 ‘pacotes’ de fraldas ‘G’ ou ‘XG’, ganhe o direito de dar um palpite na criação do meu filho. OBS: Se o pacote for jumbo, são dois palpites. Ass: Patricia Monkem”.

Ela publicou a foto dessa faixa no Facebook junto com um vídeo de sua “inauguração” e seu post foi recebido de forma humorada por seus amigos e pelo publico em geral. Patricia acabou ganhando o apoio de muitas mães que disseram passar pela mesma situação.

E você, o que achou da atitude dessa mãe? Deixe sua opinião nos comentários.



LEIA TAMBÉM->
loading...

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *