Adeus Sombrancelhas Ralas e sem Pelos: Esta Receita faz elas Crescerem Rapidamente

É difícil manter uma boa estética no rosto, não é?
E sobrancelhas ralinhas, quase sem fios, estão fora de moda.
Diferentemente dos anos 60, 70, a tendência hoje são sobrancelhas mais grossas e bem desenhadas.
Mas como entrar na moda quando se têm pelos muito finos?
Além disso, há o drama de quem sofre com a queda desses pelinhos tão essenciais para aparência.
Parece besteira, mas as sobrancelhas têm o poder de realçar o rosto e quando são malfeitas podem provocar um grande estrago.
Uma dica boa para estimular o crescimento delas é penteá-las diariamente com uma escovinha especial para a região, pois isso estimula as células e o crescimento do local.
Outra dica boa é a receita que ensinaremos agora.
A receita é superfácil e os resultados costumam ser ótimos.
Experimente e comprove:

INGREDIENTES
2 gotas de óleo essencial de alecrim (vende-se em lojas de produtos naturais ou na internet)
4 colheres (sopa) de óleo de rícino
1 cotonete

MODO DE APLICAÇÃO
Faça isto à noite, antes de dormir.
Lave bem o rosto com sabão neutro e seque com uma toalha.
Miste os óleos.
Molhe o cotonete nessa mistura e passe cuidadosamente nas sobrancelhas.
Quando acordar, pela manhã, lave o rosto.
Faça esse procedimento todos os dias e logo comprovará o bom resultado.
O óleo essencial de alecrim é importante, torna a receita mais potente.
Mas, se não encontrá-lo, faça só com o óleo de rícino.
O efeito será muito bom também.
Você pode ainda testar outra receita: aplicar azeite extravirgem de oliva nas sobrancelhas diariamente, todas as as noites, antes de dormir.
Neste caso, você precisa limpar bem o rosto com água e sabonete neutro e esfoliar pelo menos a parte das sobrancelhas, para que os poros fiquem desobstruídos.
Depois passe um algodão embebido em azeite de oliva e aplique na região das sobrancelhas.
O resultado também é muito bom.

Gostou?…Compartilhe…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*