Morre aos 75 anos Umberto Magnani, o Padre Romão de ‘Velho Chico’

Morreu nesta quarta-feira, aos 75 anos, o ator Umberto Magnani. Ele estava internado desde segunda, após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) durante as gravações de Velho Chico.

O falecimento foi confirmado por uma amiga da família ao portal Uol. Umberto estava em coma e chegou a ser submetido a uma cirurgia, mas não resistiu. O velório deve acontecer no Teatro de Arena, em São Paulo, mas a data e horário ainda não foram divulgados.

O estado de saúde do ator já havia provocado uma mudança na trama. Carlos Vereza foi chamado às pressas para reforçar o elenco, na pele de Benício, velho amigo do Padre Romão.

Umberto Magnani nasceu em 1941, na cidade de Santa Cruz do Rio Pardo (SP). Começou a carreira na televisão na extinta Tupi, na primeira versão de Mulheres de Areia. Na Rede Globo, ficou conhecido por várias participações em novelas de Manoel Carlos, como Felicidade, História de Amor, Páginas da Vida e Laços de Família (em exibição atualmente no Canal Viva).

Após alguns anos na Record, Magnani voltou à Globo para interpretar o Padre Romão em Velho Chico, um personagem fundamental nas duas fases da novela. O religioso era a voz da razão em meio à luta entre coronéis e trabalhadores, emocionando pela amizade com três heróis da trama: Capitão Rosa (Rodrigo Lombardi), Belmiro (Chico Diaz) e Santo (Domingos Montagner).

Relembre personagens do ator:

19184959

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*